Fígado no check-up!

Fígado no check-up!

Fígado no check-up: Espero que você e seu fígado estejam bem. E, daí você se pergunta: como é que algo pode não estar bem se o meu fígado não está doendo? E termina essa reflexão batendo a mão no lado direito do estômago, logo abaixo da última costela, onde fica o fígado. E eu te respondo para não se deixar levar pelo silêncio do órgão, já que ele sofre calado por não ter nervos em seu interior; e também porque ele só costuma apresentar sintomas quando está numa condição grave e evoluindo para complicações ainda maiores.

Para evitar riscos desnecessários e identificar complicações ainda no início, basta pedir para o seu médico incluir o fígado no check-up anual que você faz ou deveria fazer pelo menos depois dos 40 anos ou até antes se tiver casos de doença hepática na família ou se sofrer com diabetes, hipertensão, obesidade e tomar muitos medicamentos, principalmente anti-inflamatórios.

Essa avaliação é feita com uma simples coleta de sangue, que dosa enzimas, coagulação e albumina, entre outros indicadores; e também pode ser realizada com exames de imagem, para avaliar como estão o tamanho, o formato e a textura do fígado. Com os resultados em mãos, o médico pode identificar possíveis lesões e, se houver necessidade, pedir testes mais aprofundados ou já iniciar o tratamento adequado. Para saber mais, consulte um gastroenterologista com título de especialista em hepatologia pela Sociedade Brasileira de Hepatologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Precisa de ajuda? Whatsapp